Vendaval de Axé

00:00 / 01:11

O cenário é de ventania, seguida pela formação de vários redemoinhos de vento simultâneos. Eles, então, se juntam e terminam por formar um imenso vendaval. De repente, um clarão sopra tudo na gente, bem na nossa cara! E sentimos uma energia e força indescritíveis.

Essa estampa foi desenhada e gravada sempre às quartas-feiras, só depois fui me dar conta de que esse é o dia de Iansã, a Deusa Guerreira, Mãe de Mãe Eleonora.

Nela, procurei com muito respeito e cuidado, traduzir alguns de seus elementos como o leque, a concha e os raios.

"Sopra o vento, Mãe
Vendaval de Axé
O tempo que tange o movimento, Oyá
Iansã, epa hey!" (Serena Assumpção)

Obra

A inspiração

Mãe
Eleonora

passadeira-mae-eleonora-destaque.png

Tintas de terra amarela e cúrcuma e de urucum e terra vermelha, pinceladas e impressas em Blockprinting de cedro rosa sobre tecido de composição 100% algodão (lonita).

Dimensões: 75x41cm

Informações Técnicas

Livro de Comentários

Outras Obras

passadeira-logo.png
aqui_trem_poesia_regua_logos_2021.png